Welcome Julio

Welcome Julio

Há 12 dias vivi mais um momento sublime da minha vida. Se viver é superar seus desafios, posso dar um “checked” em mais um. Sabe aquela lista de coisas para fazer antes de morrer? Então ter um parto normal era uma delas para mim, e consegui.

Um dos principais valores que quero ensinar aos meus filhos é o respeito, e não há maneira melhor para iniciar esse ensinamento do que na hora do parto. Tive a sorte e chance de escolher os melhores profissionais no mercado para estarem comigo nesse dia tão perfeito. Aqueles que me ensinaram que a perfeição da vida começa ao nascer e que aquele momento é onde tudo começa. Aprendi que a equipe médica dos sonhos depende muito de nossos objetivos, sonhos, jeito de ver a vida. Existem médicos maravilhosos para você, mas para mim não . Devemos respeitar isso! Sabe aquele “feeling”? Cheguei no Dr. Kalil como uma coincidência boa, tinha escutado uma médica falar do nome dele e de cara fui atrás e marquei consulta. Nunca iria imaginar que a equipe dele se tornaria meu “dream team”.

A vida tem dessas coincidências estranhas que desviam nosso rumo, mas um desvio bom, daqueles que te fazem descobrir realmente o quanto poderosos somos quando unidos. Sem meu “dream team”nada teria acontecido e agradeço todos os dias por todos estarem tão centrados, organizados e preparados para que meu parto fosse a realização de um lindo sonho. Competência não basta, eles trabalharam com o coração! Isso não tem preço!

Quando Sofia ia nascer, 5 anos atrás, me lembro perfeitamente que fiquei bem chateada quando o médico disse que teria que ser uma cesárea. Ja tinha lido a respeito de parto, do parto normal e de sua importância no término de formação do bebê. Sabia perfeitamente que era muito importante o bebê vir diretamente ao colo da mãe quando nascesse e se mamasse então era o auge. Sonhei, estudei tudo isso com Sofia, mas a vida tem dessas desavenças, já disse aqui que às vezes temos que dar um passo atrás para caminhar dois! O parto da Soso foi totalmente diferente, nossa filha, nasceu, chorou, mas foi entubada e quando veio a mim estava numa encubadora. Pedi para pegá-la mas a médica disse que era muito arriscado por causa do tubo. Respeitei, mas não posso negar que foi difícil. Principalmente para alguém que tinha estudado tudo o contrário. O que restou? Me concentrar e levar boas energias para ela. Eu fazia meu melhor, tirava leite fresco do peito para ajudar com o sistema imune dela e ficava do lado dela pegando nela enquanto o colo não era autorizado e quando fui autorizada, ficava com ela o dia todo no colo. Enfim, Sofia veio com suas dificuldades ao mundo e nos ensina tanta coisa que é impossível descrever em palavras. Somos muito gratos por ter vivido tudo isso em 5 anos e por ter o privilégio de cuidar desse lindo ser nessa vida.

E como nossa família não tem nada de normal, tivemos a oportunidade de vivenciar o parto de um extremo a outro. Ao contrário da Soso, o Julio veio do jeito que eu sempre quis e sonhei.

Foram 12 horas de trabalho de parto, o trabalho na minha vida que mais precisou do meu esforço, concentração, foco, determinação, auto-controle e paciência, muita paciência. Esperamos calmamente o pequeno escolher nascer. Hoje sei o quão importante foi para ele e para mim. Chegamos em nosso auge da gravidez no parto. Foi incrível! As pessoas que estavam ao meu lado acreditaram em mim e na minha potência. Tivemos imprevistos, momentos tensos em que não sabíamos o que poderia acontecer nos próximos minutos, mas uma equipe capaz e centrada faz milagres. Fizemos o nosso.

Após uma cesárea, uma volta em cordão umbilical, uma hemorragia além do comum, um bebê alto, um bebê grande, conseguimos o nascimento do Julio, as 16.58 do dia 4 de Novembro de 2014 de parto normal. Para muitos apenas um dos quesitos acima já torna um parto normal inviável, provamos que NÃO! Nosso bebê nasceu no escuro, sem ar condicionado, com música clássica, veio direto ao meu colo. A pediatra esperou calmamente uns belos minutos para examiná-lo, precisava aninhar meu bebê que tinha acabado de chegar ao mundo, dar minhas bênçãos e recepcioná-lo nesse mundo louco! Após o exame, o pai deu banho nele ao meu lado, ainda no centro cirúrgico e ele mamou no peito, com uma força voraz que para mim era absolutamente incrível estar vivendo tudo que sempre sonhei. Tive uma equipe super competente ao meu lado, num hospital todo equipado e mesmo assim tivemos a chance de viver um parto mais que humanizado, um parto de respeito. Foi um momento sublime em nossas vidas.

Julio não existe palavras para agradecer esse momento. Obrigado filho querido! Esse com certeza foi o “meu” parto! Respeite seu bebê e respeite esse momento. A natureza é perfeita! Não pense que é fácil, mas afinal as melhores coisas da vida não são as mais difíceis? Trabalhei duro durante o ano todo me preparando psicologicamente e fisicamente para o parto. Ele exige que nossas forças estejam ao máximo, você tem que conhecer seu corpo perceber os sinais, prestar atenção em você e no bebê o tempo todo, tenha certeza que a recompensa vale a pena. Eu não podia deixar de vivenciar isso nessa vida! Obrigada por quem sempre acreditou em nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>