Mau sono dos filhos pode ser culpa dos pais

Matéria publicada no Guia do Bebê 

Sabe aquela hora da noite em que acordamos sem motivo ou porque estamos sonhando? Voltamos a dormir sozinhos, não é? Os bebês também devem aprender a voltar a dormir sozinhos. Caso contrário, poderão ter problemas para dormir a noite toda depois do primeiro ano de vida.

Os bebês cujos pais tentam fazê-los dormir toda vez que choram têm uma pior qualidade de sono nos primeiros anos de vida. Pelo menos é isso que concluiu um estudo feito por pesquisadores israelenses publicado na revista “Child Development”.
A pesquisa acompanhou 85 famílias com bebês pequenos através de diários de sono, questionários e entrevistas. Os autores do estudo Liat Tikotzky e Avi Sadeh, do departamento de psicologia, desvendaram que os bebês que receberam pouca atenção durante a noite dormiram melhor e por mais tempo do que os bebês que receberam mais cuidados quando acordavam a noite.
Concluíram também que os pais que confortam seus bebês a noite toda são mais ansiosos que os pais que deixam seus bebês chorarem. Lógico. Nem sempre o choro é sinal de um grave problema. Às vezes é um simples choro passageiro. Além disso, dormir pouco após nascimento do bebê aumenta o risco da mamãe ter depressão pós-parto.
Avisos – Hábitos como segurar o bebê no colo, alimentá-lo fora do horário ou deixá-lo dormir na cama do casal quando o pequeno chora a noite são atitudes que agravam a qualidade do sono do bebê e dos pais. Esses bebês provavelmente terão dificuldades em dormir a noite toda nos dois primeiros anos de vida, afirma a pesquisa.
Imagine se o seu filho se acostuma a dormir sempre na cama dos pais. No dia em que ficar sozinho no quarto ele vai se sentir o ser humano mais desprotegido do mundo. Medo de bicho-papão, entre outras imaginações. Como as receitas infalíveis da vovó: tudo em demasia não é bom!
Lógico que não é para deixar de observar se o bebê está bem, se não tem nenhum problema afligindo o seu sono. Não vai esquecê-lo no quarto. Mas os pais devem deixar um espaço para que seu filho tente a voltar a dormir sozinho sem colo, sem alimentação, sem carinhos durante a noite. Isso não é falta de carinho. É apenas buscar um sono gostoso para seu filho, sem paparico.
Dessa forma, o sono do bebê, da mamãe e do papai será melhor e todos ganharão com uma melhor qualidade de vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>